O que é o aviso prévio.

O Aviso prévio é o período transcorrido após o desligamento do funcionário da empresa, devendo ser cumprido quando o mesmo informa o interesse de encerrar o vínculo empregatício com o empregador, ou vice-versa.

Para melhor compreensão, podemos dividir o aviso prévio em duas modalidades, sendo elas; aviso prévio indenizado e aviso prévio trabalhado: AVISO PRÉVIO INDENIZADO (DISPENSA SEM JUSTA CAUSA); • Ocorre quando o funcionário é dispensado sem justa causa e a empresa não deseja que este cumpra o aviso trabalhado, realizando a título de indenização pagamento do salário dos próximos 30 dias, além da soma de 3 dias para cada ano trabalhado.

AVISO PRÉVIO INDENIZADO (PEDIDO DE DEMISSÃO); • Ocorre quando o funcionário comunica seu desligamento da empresa e informa que não deseja realizar o cumprimento do aviso trabalhado, neste caso a empresa efetuará o desconto do aviso no cálculo da rescisão contratual.

AVISO PRÉVIO TRABALHADO (DISPENSA SEM JUSTA CAUSA); • Ocorre quando o funcionário é dispensado sem justa causa e a empresa deseja que este cumpra o aviso trabalhado, o funcionário trabalha os próximos 30 dias e o contrato é rescindido ao fim do período. Nesta modalidade, o empregado opta pela redução de 2 horas diárias do trabalho ou falta nos últimos 7 dias, sem prejuízo do salário.

AVISO PRÉVIO TRABALHADO (PEDIDO DE DEMISSÃO); • Ocorre quando o funcionário comunica seu desligamento da empresa e informa que deseja realizar o cumprimento do aviso trabalhado, neste caso a empresa não poderá efetuar descontos a título de aviso prévio, no cálculo da rescisão contratual.

Fonte: https://lipex010.jusbrasil.com.br/artigos/923263129/o-que-e-o-aviso-previo?ref=feed

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Voltar ao topo