O que esperar do contador em 2020.

Saiba quais são as principais tendências de mercado para o ano que se inicia e se adapte a elas para garantir maior competitividade.

O que o mercado espera dos profissionais de contabilidade para 2020? Conhecer as tendências é uma das melhores maneiras para se preparar para ofertar aos clientes aquilo que eles desejam.

Em um ramo tão dinâmico quanto a contabilidade, não basta apenas se atualizar em conhecimentos legislativos e em ferramentas de trabalho: é preciso se adaptar às necessidades do mercado. Baseado no que evoluiu em 2019 e nas expectativas das empresas para 2020, listamos aqui algumas tendência para o ano que se inicia nas quais vale a pena investir.

 

Atendimento especializado

A segmentação é uma tendência cada vez mais forte no mercado de contabilidade. Há diversas formas de se destacar nesse cenário, mas compreender quais são as possibilidades nesse sentido é fundamental para se posicionar perante os concorrentes.

Em termos de atendimento, dois fatores são primordiais: atendimento online e via aplicativos. Já em relação à segmentação temos a contabilidade colaborativa, a contabilidade consultiva e a contabilidade sob demanda.

1. Atendimento online

Estar disponível para os seus clientes pelo maior tempo possível é um diferencial.

As dúvidas não têm hora para aparecer. O uso de chatbots para respostas mais triviais é uma solução eficiente. Invista nos seus canais de relacionamento online disponibilizando profissionais qualificados para responder os clientes.

2. Atendimento via aplicativos

Não basta ter os seus próprios canais de comunicação, é preciso estar onde o consumidor está. Atendimento via Facebook ou WhatsApp, por exemplo, precisam fazer parte da sua realidade se essa for uma necessidade do cliente.

Muitas falhas de comunicação ocorrem pela insistência do contador em utilizar canais pouco efetivos.

3. Contabilidade sob demanda

Atender clientes, resolvendo os problemas contábeis deles, sem que haja um contrato anual é uma realidade cada vez mais comum no mercado. Os clientes podem buscar um contador para uma avaliação financeira ou para qualquer serviço que não requeira acompanhamento mensal.

Se há espaço para esse tipo de trabalho na sua agenda, considere esse mercado em franca expansão.

4. Contabilidade consultiva

Que tal se tornar um parceiro de negócios do seu cliente? Na modalidade de contabilidade consultiva o contador passa a ser um profissional pró-ativo, apontando falhas e sugerindo melhorias que possam aumentar a lucratividade da empresa.

A decisão final continua sendo do cliente, mas o contador participa das decisões e sua palavra tem peso no embasamento.

5. Contabilidade colaborativa

Como consequência temos a contabilidade colaborativa. Nesse cenário, contador e cliente compartilham informações por meio do uso de ferramentas em comum, como softwares de gestão e relatórios produzidos “a quatro mãos”. Trata-se de um modelo de negócios que pode reduzir custos para ambas as partes, além de agilizar os processos.

Inteligência Artificial na Contabilidade

Ferramentas de machine learningdeep learning e processamento de linguagem natural já são realidade também nos escritórios de contabilidade. A ideia é que os softwares possam identificar padrões em conjuntos de dados com mais rapidez, reagindo à linguagem natural das pessoas.

Os chatbots são um exemplo disso. O cálculo automatizado de tributos, a classificação fiscal de documentos, a identificação de pontos necessários para auditoria e a análise de comportamento de indicadores e resultados são algumas das possibilidades que podem ser exploradas com o uso da tecnologia correta.

Blockchain na Contabilidade

Blockchain nada mais é do que um registro financeiro digitalmente assinado, o que garante sua autenticidade e impede adulterações, dispensando até mesmo a necessidade de transações serem atestadas e processadas por uma instituição financeira.

Aplicando esse conceito do mundo contábil temos uma ferramenta que proporciona maior segurança aos dados, reduzindo consideravelmente as chances de erro e permitindo a gestão de informação em tempo real.

O contador moderno deve se aprofundar nesses conceitos, que certamente ganharão cada vez mais destaque nos próximos anos.

Uso de sistemas integrados de gestão empresarial (ERP)

São muitas as vantagens profissionais de recorrer a um sistema de gestão empresarial integrado. Deixar de utilizar esse recurso é abrir mão de competitividade e tornar seus processos mais lentos sem necessidade. Entre as principais vantagens podemos destacar as seguintes:

Automação de processos: quando as informações contábeis e fiscais de uma empresa estão integradas, é possível automatizar certos processos. Isso diminuiu o tempo dedicado a tarefas burocráticas, reduz as chances de erro e permite que os profissionais utilizem melhor o tempo para funções analíticas.

Digitalização das obrigatoriedades fiscais: o armazenamento de documentos em formato digital reduz os custos de manutenção com arquivos e facilita o acesso à informação. Integrados em bancos de dados, os conteúdos podem ser consultados em segundos e servir de base para a tomada de decisão.

Redução de pagamento de taxas e custos fiscais: ainda é grande o número de empresas que perdem dinheiro em razão da não observância de datas de pagamento de obrigações fiscais. Investir em organização é por fim às desculpas por atrasos.

Ganho de produtividade: quando menos pessoas demandam menos tempo para fazer um número maior de tarefas, o ganho de produtividade se torna perceptível. Isso permite que os colaboradores sejam realocados para outras tarefas com maior valor agregado, como o atendimento ao cliente ou a prospecção.

Bem-vindo à era da Contabilidade Digital

É praticamente impensável prestar serviços contábeis em 2020 sem centrar seus esforços na Contabilidade Digital. O uso de softwares especializados e as transações via internet vieram para ficar, proporcionando automação de tarefas e maior possibilidade de análise de dados em tempo real.

Adaptar-se a essa realidade é uma necessidade, não uma opção. As transformações pelas quais a profissão passou ao longo das últimas décadas mostram que a relação entre o contador e o cliente se tornou muito mais próxima, com melhores resultados e menores custos para todos os envolvidos.

Não só para 2020, mas para os próximos anos, investir na busca de conhecimento técnico e no uso de ferramentas digitais continuará sendo uma tendência. Será mais competitivo e terá melhores oportunidades de mercado aquele contador que sair na frente e estiver preparado para a era que vivemos.

Fonte: https://blog.sage.com.br/o-que-esperar-do-contador-em-2020/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Voltar ao topo